Técnicas de depilação masculina

0
115
visualizações

O dermatologista Dr. Alberto Cordeiro fala sobre três técnicas de depilar e dá dicas de como proceder antes e depois de cada uma delas.

Por muito tempo a depilação foi um procedimento exclusivamente feminino. Culturalmente os pelos estavam associados à masculinidade e virilidade. No entanto, o padrão estético mudou e hoje muitos homens buscam clínicas de depilação, principalmente para cuidar da linha da barba, seguido de costas e peito.

A procura por outras áreas como braços e até região perianal também tem crescido bastante.

Além da estética, a depilação masculina também pode ser uma aliada à saúde. Como é o caso da Foliculite. Esta deve-se ao desenvolvimento errado do pelo que ao invés de crescer saindo da pele, cresce para dentro provocando inflamação. Este quadro é muito comum na região da barba e incomoda bastante os homens. Geralmente causa coceira, ardor local e prejuízo estético.

A depilação com cera quente, lâmina e a laser são as mais comuns e para cada uma delas há cuidados específicos com a pele, antes e depois do procedimento, para que se obtenha o melhor resultado.

Antes da depilação com cera quente, por exemplo, é necessário esfoliar a pele com um dia de antecedência, aparar os pelos, pois facilita a remoção com cera e dói menos e é importante não hidratar a região para não dificultar a remoção do pelo. Logo após é indicado usar loção ou creme pós-depilatório com propriedades calmantes, não vestir roupas apertadas e aplicar protetor solar na região, caso seja exposta ao sol.

1392797695_1391684263_waxing4

Já o preparo para a depilação com lâmina é, se possível, estar em local com vapor, como no chuveiro por exemplo, para facilitar a remoção do pelo, passar creme depilatório na região, proporcionando um melhor deslizamento da lâmina na pele, diminuindo o atrito e agressão.

Em seguida aplicar loção ou creme pós-depilatório com propriedades calmantes e assim como a depilação com cera, não vestir roupas apertadas e aplicar protetor solar na região, caso seja exposta ao sol.

Ainda sobre este tipo de depilação, muitos acreditam que o procedimento pode engrossar os pelos e aumentar a quantidade na região. Segundo o dermatologista Dr. Alberto Cordeiro, “não existe relação entre uso de lâmina e aumento do volume ou espessura dos pelos. E complementa dizendo “se assim fosse pediríamos para os carecas rasparem seu couro cabeludo e não existiria mais falta de cabelo no mundo”.

E por fim, a depilação a laser que atualmente é a melhor opção para todas as áreas do corpo, pois trata-se de um método seguro, rápido e definitivo. Aparar os pelos é indicado antes de iniciar o procedimento. Além disso, evitar a exposição ao sol, pois a depilação a laser na pele bronzeada pode levar a sequelas como despigmentação (áreas mais brancas) ou manchas.

Aplicar loção calmante, usar protetor solar e não tomar sol pelo menos por uma semana. São as dicas para depois da depilação a laser.

Fonte: Prestigerp

DEIXE UM COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui