O que é Câncer?

1
720
visualizações

Câncer é o nome dado a um conjunto de mais de 100 doenças que têm em comum o crescimento desordenado de células que invadem os tecidos e órgãos, podendo espalhar-se para outras regiões do corpo.

As células saudáveis se multiplicam quando necessário e morrem quando o organismo não precisa mais delas. O câncer parece surgir quando o aumento de células do corpo está fora de controle, e elas se dividem muito rápido. Também pode ocorrer quando a célula “se esquece” de morrer.

Dividindo-se rapidamente, essas células tendem a ser muito agressivas e incontroláveis, determinando a formação de tumores (acúmulo de células cancerosas) ou neoplasias malignas. Por outro lado, um tumor benigno significa simplesmente uma massa localizada de células que se multiplicam vagarosamente e se assemelham ao seu tecido original, raramente constituindo um risco de vida.

Existem diversos tipos de câncer. O câncer pode se desenvolver em qualquer órgão ou tecido, como, por exemplo, o pulmão, o cólon, o peito, a pele, os ossos ou os tecidos nervosos. Os diferentes tipos de câncer correspondem aos vários tipos de células do corpo. Por exemplo, existem diversos tipos de câncer de pele porque a pele é formada de mais de um tipo de célula.

Outras características que diferenciam os diversos tipos de câncer entre si são a velocidade de multiplicação das células e a capacidade de invadir tecidos e órgãos vizinhos ou distantes (metástases).

São previstos 576 mil casos novos de câncer no Brasil por ano. O tumor mais incidente é o câncer de pele do tipo não melanoma (182 mil casos), seguido pelos cânceres de próstata (68,8 mil), mama (57,1 mil), intestino (33 mil) e pulmão (27 mil).

Causas

O câncer é causado por alterações (mutações) no interior das células. O DNA dentro de uma célula contém um conjunto de instruções que dizem à célula como crescer e se dividir. Erros nas instruções podem permitir que uma célula se torne cancerosa. A mutação do gene pode instruir uma célula saudável para:

SAIBA MAIS

  • Você ajuda, sem sufocar, um paciente com câncer?
  • Tire dúvidas sobre as principais causas de câncer
  • Permitir o crescimento rápido: a mutação do gene pode dizer uma célula para crescer e se dividem mais rapidamente. Isso cria muitas novas células com a mesma mutação
  • Impedir que o crescimento celular pare: as células normais sabem quando parar de crescer, para que você tenha apenas o número certo de cada tipo de célula. As células cancerosas podem perder o controle que lhes dizem quando parar de crescer
  • Cometer erros ao reparar erros do DNA: genes de reparo procuram erros no DNA de uma célula e fazem correções. Uma mutação nesse gene de reparo pode significar que outros erros não serão corrigidos, levando as células se tornam cancerosas.

Essas mutações são as mais comumente encontradas no câncer. Mas muitas outras mutações genéticas podem contribuir. Mutações genéticas podem ocorrer por vários motivos, por exemplo:

  • Congênitas: você pode nascer com uma mutação genética que herdou de seus pais. Este tipo de mutação é responsável por uma pequena porcentagem de cânceres
  • Mutações genéticas que ocorrem após o nascimento: a maioria das mutações genéticas ocorre depois que você nasceu e não são herdadas. Um certo número de fatores pode causar mutações genéticas, como o tabagismo, radiação, exposição a vírus, produtos químicos causadores de câncer (carcinógenos), obesidade, hormônios, inflamação crônica e falta de exercício.

Mutações genéticas com que nascemos e aquelas que você adquire ao longo de sua vida podem trabalhar em conjunto para causar câncer. Por exemplo, se você herdou uma mutação genética que predispõe ao câncer, isso não significa que você terá câncer com certeza. Em vez disso, você pode precisar de uma ou mais mutações genéticas que causam câncer. Sua mutação genética hereditária torna você mais vulnerável para o câncer que as outras pessoas quando expostas a um determinado fator de risco.

Não está claro quantas mutações deve-se acumular para o câncer a se formar. É provável que isso varie entre os tipos de câncer.

cancer-mama

Fatores de risco

Idade

O câncer pode levar décadas para se desenvolver. É por isso que a maioria das pessoas é diagnosticada com câncer aos 65 anos ou mais. Embora seja mais comum em adultos mais velhos, o câncer não é uma doença exclusivamente dessa faixa etária – ele pode ser diagnosticado em qualquer idade.

Seus hábitos

Certas escolhas de estilo de vida são conhecidas por aumentar o risco de câncer. Fumar, beber mais do que um drinque por dia (para mulheres de todas as idades e pessoas com mais de 65 anos) ou dois drinques por dia (para os homens com menos de 65 anos), a exposição excessiva ao sol ou queimaduras frequentes, obesidade e ter relações sexuais desprotegidas podem contribuir para o câncer.

Você pode alterar esses hábitos para reduzir o risco de câncer – embora alguns hábitos são mais fáceis de mudar do que outros.

Sintomas de Câncer

Os sinais e sintomas causados pelo câncer variam dependendo de que parte do corpo é afetada. Alguns sinais e sintomas gerais, que não são específicos para o câncer e devem ser cruzados com outros fatores de risco, incluem:

SAIBA MAIS

Conheça alguns sintomas que podem indicar o risco de câncer

  • Fadiga
  • Protuberância ou área de espessamento que pode ser sentida sob a pele
  • Mudanças de peso, incluindo a perda não intencional ou ganho
  • Alterações da pele, tais como amarelecimento, escurecimento ou vermelhidão da pele, feridas que não cicatrizam ou alterações moles
  • Mudanças nos hábitos intestinais ou da bexiga
  • Tosse persistente
  • Dificuldade em engolir
  • Rouquidão
  • Indigestão persistente ou desconforto depois de comer
  • Dor muscular ou nas articulações persistente e sem causa aparente
  • Febre ou suores noturnos persistentes sem causa aparente.

Quando consultar um médico?

Faça uma consulta com seu médico se você tiver quaisquer sinais ou sintomas persistentes sem causa aparente. Se você não tem quaisquer sinais ou sintomas, mas está preocupado com o risco de câncer, converse sobre suas preocupações com o médico. Pergunte sobre quais exames e procedimentos de rastreio do câncer são apropriados para você.

1 COMENTÁRIO

  1. Gostei do seu artigo, muito legal seu ponto de vista. Eu tenho um Website sobre este mesma tema, acesse ele depois. Abraços

DEIXE UM COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui